HOME   |   FALE CONOSCO

18/11/2019

Com aprovação da população, Prefeitura de Rio Branco/ AC avança com iluminação de Led

Ficou tudo mais claro e mais seguro. Antes tinha medo de sair à noite, mas agora nos sentimos confortáveis, principalmente porque atendemos clientes ao ar livre aqui na Avenida Nações Unidas. É, uma excelente novidade”, declarou Gergleide de Melo Vasconcelos, atendente de lanchonete.

O comerciante Edcarlos da Cunha, também aprovou a iniciativa da prefeita Socorro Neri e disse que a iluminação de Led permite ver os clientes chegando de longe. “A iluminação ficou bacana, melhora a nossa segurança e especialmente a segurança de nossos clientes”, destacou o proprietário de um empreendimento, que há mais de três décadas comercializa alimentos no bairro Estação Experimental.

A principal via do bairro, a Avenida Nações Unidas, já está contempladas com a nova iluminação de Led, que está sendo implantada pela Prefeitura Municipal de Rio Branco e dando cara nova a ruas e avenidas, praças e pontes da capital acreana.

A Prefeitura, por meio das secretarias de Zeladoria da Cidade e Planejamento está investindo nos serviços de modernização e revitalização da iluminação pública, com a substituição das antigas lâmpadas de vapor de mercúrio e sódio por Led. Além de maior eficiência em luminosidade, a nova tecnologia é mais econômica.

Segundo a prefeita Socorro Neri, Rio Branco, vai investir R$ 51,4 milhões em duas etapas: até o fim de dezembro serão R$ 3,4 milhões de convênio com a Energisa, contemplando todo o Centro Histórico, as pontes Juscelino Kubitscheck e 4ª Ponte e vias estruturantes como as avenidas Nações Unidas e Ceará, estradas Calafate, Sobral, além do Aeroporto e Parque da Maternidade. Também serão beneficiadas a Rua Isaura Parente, as avenidas Antônio da Rocha Viana e Getúlio Vargas, totalizando cerca de 2.700 pontos.

“Estamos investindo na eficientização de energia, reduzindo despesas e melhorando a eficácia. O que se arrecada com a Cosip [Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública] tem sido suficiente apenas para pagar a conta de consumo de energia da iluminação pública. Não sobra quase nada para fazer a manutenção e, menos ainda, para fazer investimentos. A redução no consumo que as lâmpadas de Led possibilitam, vai mudar esse cenário no município”, disse Socorro Neri.

Ela observou que a partir de fevereiro de 2020, a Prefeitura iniciará a segunda etapa da iluminação pública, relacionada a operação de crédito contraída junto à Caixa Econômica Federal no valor de R$ 48 milhões. Os recursos destinam–se a modernização, otimização e expansão do Parque de Iluminação Pública da capital, cuja a finalidade é proporcionar mais segurança à população.

O secretário de Zeladoria da Cidade Kellyton Carvalho fez questão de deixar claro que na primeira etapa estão sendo executados serviços de melhorias da iluminação pública, exclusivamente nas vias estruturantes. Ele lembra que somente três projetos aleatórios a Estrada do Aeroporto, o Parque da Maternidade e o Centro Histórico do município, até próximo do Mercado Elias Mansour receberam as luminárias Led.

Quanto a operação de crédito contraída pela Prefeitura junto à Caixa Econômica, autorizada pela Câmara de Vereadores e com a garantia da União, Kellyton esclarece se tratar de um recurso que vai ser pago em 10 anos e que visa garantir a eficientização de energia de todos os bairros da cidade. “Esse segundo momento a gente prevê começar a implantação a partir de fevereiro de 2020, dada a finalização da licitação e do contratado”, observa.

Na segunda etapa a Prefeitura almeja alcançar todos os bairros, iluminando vias e as praças. Com isso, Rio Branco passa a ser autossustentável com relação ao que gasta e se arrecada com a taxa de iluminação pública. Outro aspecto importante a ser destacado diz respeito a contribuição que a gestão da prefeita Socorro Neri dá para reduzir os índices de violência na cidade.

Do valor contratado, a Prefeitura vai destinar R$ 4,5 milhões para o início da implantação de um projeto de Energia Fotovoltaica (placas solares) em espaços e praças públicas. O programa de eficientização energética pretende elevar para cerca de 38.000 o número de pontos de luminárias na capital.

Fonte: Contilnet

área Restrita

e-mail
Senha


ABRASI - Av. Vereador José Diniz, 3720, Conj. 705, Campo Belo, CEP 04604-007 - São Paulo/ SP
Telefone: (11) 4063-4714 - E-mail: abrasi@abrasi.org.br
© Copyright 2014 - ABRASI - Todos direitos reservados
Lazz Design